Tuesday, April 21, 2020

David Hume: as impressões como crenças fundacionais


Para David Hume todos os nossos conteúdos da nossa mente são percepções.
As percepções são de dois tipos: impressões e ideias.
As ideias são impressões que perderam a força e a vivacidade - nunca deixam de ter uma natureza empírica.
As impressões são, assim, o fundamento da justificação de todas as nossas crenças.
A força e a vivacidade são critério de verdade: as impressões são verdadeiras, ou seja, elas são o resultado do nosso contacto com a realidade (que se dá através dos sentidos), mais podemos saber da realidade para além das impressões que ela nos provoca, o que significa que só podemos saber da realidade a forma como os nossos sentidos são afetados por ela, nós não podemos conhecer as coisas como são em si mesmas, mas somente enquanto fenómenos, enquanto algo que nos aparece como tendo determinadas características sensoriais (os serem quentes ou frias, grandes ou pequenas, coloridas, granulosas, etc.). Chama-se a isto fenomenalismo.





No comments: